lword

Cultura Lésbica – Séries – The L Word

Quando se fala em séries televisivas com a temáticas lésbica no centro das atenções, não há ninguém que duvide que a mais importante, mais reveladora e mais popular, é a série The L Word. Esteve durante anos no centro das atenções de toda a comunidade, sendo que infelizmente ao fim de 6 temporadas deixou de ser produzida e ficou um vazio enorme nos milhares de fãs que a acompanhavam diariamente, assim como ás várias personagens que a compunham.

Cada personagem desta série vai crescendo ao longo que as temporadas vão passando, mas há sempre novidades, com a saída de algumas delas e a entrada de novas, para dar ainda mais emoção a toda a trama na história final. Algumas destas personagens ficaram tão marcadas na memória dos fãs que ainda hoje, anos após a série ter terminado, se lembram das características principais delas e esperam sempre o seu aparecimento numa nova série, mesmo que seja de outra temática.

A história começa com a chegada de Jenny Schecter, uma jovem talentosa escritora de ficção, que após terminar a Universidade de Chicago vem para junto do seu namorado Tim, que por si só já se encontra no meio de um grupo de amigas muito especial. Tim mora ao lado do casal mais emblemático de toda a série, Bette e Tina, duas bem-sucedidas profissionais que estão juntas à 7 anos, sendo que apenas agora estão a pensar em iniciar uma família, com a gravidez ou a adopção de uma criança para preencher as suas vidas. Ao longo de toda a série passam por várias fases de afastamento e união, havendo traições e processos de divórcio pelo meio, mas no final acabam juntas e bastante felizes.

No mesmo grupo de amigas está Shane, talvez a personagem principal de toda a série, uma cabeleireira que tem como principal hobbie a fotografia. Muitas parte da história de toda a série centram-se nesta personagem, principalmente porque a sua fama de conquistadora vai para lá da imaginação, pois esta mantém uma grande dificuldade em prender-se a alguém e com isso vai aproveitando as noites para conhecer novas mulheres e envolver-se fugazmente com todas as que se atravessam à sua frente. Até conhecer aquela que lhe dá a volta à cabeça, Carmen, uma Dj que além de bonita tem uma personalidade bem vincada, conseguindo levar Shane até ao altar, mas nos últimos minutos esta desiste e destrói por completo o coração de Carmen.

Dana é uma jogadora de ténis profissional que ainda não saiu do armário, tendo assim uma grande dificuldade de se relacionar com mulheres com receio do que os seus fãs e família possam sentir. A sua melhor amiga, Alice, é uma bissexual que sofre por amor durante toda a série, mas é no famoso Chart que vê o seu maior sucesso profissional. As duas acabam por se relacionar e são o amor uma da outra, porém infelizmente Dana acaba por morrer de cancro na mamã e Alice sofre durante vários episódios, de coração completamente partido.

Estas são as personagens principais e as histórias mais importantes de toda a série, mas há muito mais personagens e histórias paralelas, não fosse esta série ter estado nas televisões internacionais durante longos anos. No final, depois de muita emoção e relacionamentos entre as personagens, todas acabam bem e repletas de amor à sua volta, apenas Shane regressa ao seu natural habitat, sem estar presa e aproveitando cada mulher que passa na sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *